LIBERDADE PARA OS 31 DETIDOS NA LUTA CONTRA AS OSs EM GOIÁS

No dia 15.02.16, após a segunda ocupação da Secretária de Educação (SEDUCE) 31 pessoas – entre elas, 13 menores de idade, e Rafael Saddi, professor da UFG e ativista político – foram covardemente detidas pelo Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE-GO).

As acusações contra eles são de dano ao patrimônio, corrupção de menores e formação de quadrilha. A audiência de custódia será hoje às 14h (ADIADA PARA AMANHÃ ÀS 8h) na 7° Vara Criminal, daí então, teremos mais informações.

Esta ocupação foi uma das ações políticas desenvolvidas por estudantes e professores de Goiás em luta contra a militarização e a implementação das “Organizações Sociais” (OSs) nas escolas da rede estadual, uma forma evidente de precarização e privatização.

Com o acirramento e a polarização da luta de classes, o Estado cada vez mais mostra o seu lado e sua verdadeira face. Seu papel será o de garantir a todo custo a implementação das políticas que atacam de maneira generalizada as condições de vida dos trabalhadores – como a PL da terceirização, a das estatais, a reforma na aposentadoria, as privatizações, entre muitas outras – assim como garantir a repressão aos jovens e aos trabalhadores que ousam lutar, e assim, ousam vencer.

(+ infos: https://www.facebook.com/Secundaristas-em-Luta-GO-1700458980240969)

FORA OSs!
NÃO A REPRESSÃO!
LIBERTEM NOSSOS PRESOS!

ocupa gyn 3

Viva a ocupação das fábricas Mabe Eletrodoméstico de Campinas e Hortolândia!

Desde fins de dezembro do ano passado, trabalhadores operários da Mabe de Campinas acampavam em frente a fábrica afim de lutar contra demissões e exigir o pagamento de salários e benefícios atrasados – como parte do 13°e a Participação nos Lucros e Rendimentos (PLR).

Hoje, poucos dias após a justiça decretar a falência da empresa, os trabalhadores perderam a paciência e decidiram ocupar duas das fábricas. Segundo o Sindicato de Metalúrgicos de Campinas e região, cerca de 900 trabalhadores estão engajados na movimentação.

Unificar e organizar a classe para tomar o que é nosso: que a experiência da Mabe se generalize!
Todo apoio a luta dos operários!

Mabe 3

Todo apoio a greve geral dos trabalhadores gregos!

Ontem, trabalhadores gregos das mais diversas categorias realizaram uma massiva grega geral de 24h contra a reforma da aposentadoria do governo Syriza – o qual, mostrou-se, em pouquíssimo tempo, como tão somente mais um inimigo de nossa classe.
 
Com esta ação de massas foi demonstrado por mais uma vez o imenso poder que nós trabalhadores temos ao nos unirmos e irmos pra luta direta!
 
A combatividade e o classismo dos lutadores gregos contra as medidas de austeridade do governo de Tsipras certamente deve nos inspirar e motivar a igualmente nos levantarmos contra a onda de ataques perpetuadas pelos mais diversos governos em aliança com os grandes empresários.
 
Não é só a aposentadoria dos trabalhadores gregos que está ameaçada – a nossa igualmente está sob duro ataque!
 
VIVA A LUTA DOS TRABALHADORES GREGOS!
VIVA A LUTA UNIFICADA, CLASSISTA E COMBATIVA!
ABAIXO A AUSTERIDADE!
grecia-0

Todo apoio à greve nos aeroportos contra o arrocho salarial!

Reunidos em diversas assembleias pelo país, aeroviários e aeronautas decidem paralisar suas atividades a partir dessa quarta-feira (3/2) às 0h frente à intransigência das companhias aéreas que negam o reajuste do salário.

Depois de muita pressão dos trabalhadores, as empresas aéreas tentaram causar uma desmobilização oferecendo não mais 0%, como inicialmente, mas um reajuste irrisório que ainda tiraria muito dinheiro do bolso dos trabalhadores. Mas a mobilização só se fortaleceu, a paralisação é para deixar claro que nada menos do que 11% de reajuste será aceito, para cobrir o aumento exorbitante na inflação que ocorre no período.

Além de lutar contra o arrocho salarial, os trabalhadores também levantam bandeiras contra a privatização e pela manutenção do plano de saúde.

A organização de uma categoria tão ampla no país é um exemplo para as lutas que devemos travar contra os diversos ataques do governo. Nós, da Aliança Anarquista apoiamos essa luta!

aero

Solidariedade à greve de garis de Cabo Frio!

No dia 21/12/2015, os garis da cidade de Cabo Frio (RJ) entraram em greve para exigir o imediato pagamento dos salários atrasados desde novembro. Apesar da Prefeitura afirmar que os pagamentos já estavam quase todos regularizados, o Sindcaf, entidade da categoria, afirma o contrário.

Com o inicio da greve, os trabalhadores realizaram uma manifestação fechando faixas e espalhando lixo pelas avenidas.

Dois garis que deram uma entrevista reclamando da situação foram demitidos numa atitude de evidente retaliação.

Todo apoio a greve dos garis de Cabo Frio!
Pela readmissão dos trabalhadores demitidos!

garis3